PNUD entregou ao Governo 50 garrafas de concentradadores

O Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, PNUD, entregou ao Governo 50 garrafas de concentradadores, contendo 10L, cada, para apoiar nos esforços nacionais de combate a COVID-19 no país.

Os 50 concentradores que contêm 10 litros de oxigénio cada, vão reforçar os esforços nacionais para garantir que, em todos as estruturas sanitárias do país, os doentes possam receber oxigenoterapia, sem precisar de se deslocarem ao Hospital Central, e assim garantir mais rapidamente o seu atendimento e consequente tratamento. O concentrador de oxigénio ajuda os doentes, crianças e adultos, com insuficiência respiratória a recuperarem mais rapidamente as suas capacidades respiratórias. E esta é uma arma poderosa para ajudar não só os pacientes com COVID-19, mas também outros pacientes com insuficiência respiratória.

Este apoio enquadra-se no plano de resposta a COVID-19 do PNUD em São Tomé e Príncipe orçado em cerca de U$D 2.5 milhões de dólares, que visa a implementação de ações que contribuam para o Reforço dos sistemas de saúde para responder à pandemia, incluindo a aquisição e a gestão da cadeia de abastecimento, a gestão e resposta inclusiva e multissectorial da crise, a avaliação do seu impacto sócio-económico e recuperação da mesma e a sua Contribuição para o Plano de Contingência Inter-Agências da ONU em São Tomé e Príncipe. 

MS – 28.07.2020